Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
Portal Institucional - Back Office
agenda contactos

Geminações

Os acordos de geminação são uma forma especial de relacionamento entre autarquias.
Geminações resultam em intercâmbio de experiências e conhecimentos e contacto humano
 

Este tipo de acordos ganhou dimensão e visibilidade na Europa do pós Segunda Guerra Mundial, enquanto instrumento com alguma importância na pacificação da relação entre os povos.

As geminações entre autarquias podem assumir cariz nacional ou internacional, ainda que, com a intensificação da vida internacional, as últimas ganhem particular relevância. Isto é verdade também no caso de Oeiras e da sua política de geminações.

Na lista de municípios geminados com Oeiras todos os continentes estão representados. Ainda assim, o grosso da cooperação descentralizada realizada – e a maior intensidade das relações – tem sido com municípios de países africanos de língua oficial portuguesa.

Estas relações começaram a ganhar forma no final dos anos 80 do século XX, com a assinatura do acordo de geminação com a cidade do Mindelo na Ilha de São Vicente, República de Cabo Verde.

Depois do Mindelo – pedra de toque da cooperação descentralizada de Oeiras com municípios dos PALOP – o Município foi construindo uma sólida reputação neste âmbito. Projetos como a construção do Bairro Dr. Francisco Sá Carneiro e a eletrificação da cidade, no Mindelo, ou a construção do Centro Cultural, a iluminação da cidade e a colocação de sinalização vertical, no Príncipe, colocaram Oeiras na vanguarda da cooperação descentralizada portuguesa.

Fora do continente africano as relações existem e são igualmente profícuas. Inicialmente o Município estabeleceu pontes com Oeiras do Piauí, no Brasil, Saint-Étienne (em França) ou San Jose (na Califórnia, EUA).

Se Oeiras do Piauí tem uma importante dimensão histórica no relacionamento e Saint-Étienne é uma cidade francesa com forte marca da emigração portuguesa, San Jose assume uma dimensão estratégica importante, relacionada com o desenvolvimento das tecnologias de informação e comunicação, setor central no modelo de desenvolvimento de Oeiras, ainda que este caso tenha assumido a forma de acordo de cooperação.

Da lista fazem também parte acordos de geminação com Mohammedia (Marrocos), Gebze (Turquia) e acordos de cooperação com Cambridge (Massachussets, EUA) e com a região administrativa especial de Oé-Cusse Ambeno (Timor Leste).

 

Geminações

Saint-Étienne (França), junho de 1996

Oeiras do Piauí (Brasil), junho de 1988

Mindelo (Cabo Verde), junho de 1988

Príncipe (S. Tomé e Príncipe), março de 1997

Benguela (Angola), junho de 1997

Inhambane (Moçambique), junho de 1999

Quinhamel (Guiné-Bissau), junho de 2001

Mohammedia (Marrocos), junho de 2013

Gebze (Turquia), setembro de 2015

 

Acordos de cooperação

San Jose (Califórnia, EUA), junho de 1997

Sal (Cabo Verde), janeiro de 2007

Boavista (Cabo Verde), maio de 2007

Cambridge (Massachusetts, EUA), fevereiro de 2008

Praia (Cabo Verde), outubro de 2008

Santa Catarina (Cabo Verde), abril de 2009

Oé-Cusse Ambeno (Timor), março de 2015

​Município de Bissau (Guiné-Bissau) junho 2018

Distrito de Dongcheng, Pequim, China  setembro 2018

Você está em
Geminações