Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
Portal Institucional - Back Office
agenda contactos
DescobrirLazerPercursosQuinta Real de Caxias

Quinta Real de Caxias

A Quinta Real de Caxias é um elemento arquitetonico único e de relevo a nível nacional.
No jardim, pare e veja, ao pormenor, as estatuas da autoria de Machado de Castro.
 

A Quinta Real de Caxias é considerada um dos elementos de maior interesse a nível histórico e arquitetónico do Concelho de Oeiras, por ser única na perspetiva da Arte dos Jardins em Portugal e pela importância do conjunto da cascata.

A extensão da Quinta Real de Caxias, na qual os jardins são contemporâneos aos do Palácio de Queluz, foi projetada e concebida especificamente como Quinta de Recreio. Esta organização enquadra-se nas regras do jardim francês (à la Française), composto por longas alamedas, agrupadas por lagos e animados jogos de água. Estes jardins e cascatas são compostos por elementos escultóricos em terracota, da autoria de Machado de Castro, cuja personagem principal é uma Deusa mitológica Diana, Deusa da Caça.

Entrando num grande portão, que dá entrada à Quinta, encontra à sua volta os lagos dos Tritões. Continuando pelo lado poente dos jardins, aprecie uma bela vista global do conjunto cénico da cascata composta por terraços, pavilhão da Cegonha, gruta e túneis. Caminhando pelo jardim encontrará os lagos das quatro estações – cujas esculturas representam as quatro estações e os signos do zodíaco. No espaço pode encontrar ainda dois pavilhões, a Casa do Poço cuja função está ligada a um poço que fornece a água ao jardim e a Casa da Fruta onde se armazenava a fruta colhida nos pomares.

À medida que for passeando, deixe-se encantar pelo murmúrio da água que jorra das fontes dos lagos que pontuam o espaço da cascata e admire o espaço!

 

Você está em
PercursosQuinta Real de Caxias
Quinta Real de Caxias