Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
Portal Institucional
agenda contactos
page background image

​​​​

O município de Oeiras celebra o mês da Ciência com o objetivo de reforçar a proximidade e o envolvimento dos cidadãos em torno de temas da ciência, e, dessa forma, consolidar a inovação e a tecnologia como parte da identidade do território.

Ao longo do mês, instituições científicas, universidades, escolas, empresas, bibliotecas e museus, proporcionam oportunidades de participação online em conversas e debates, exposições, jogos e vídeos temáticos, projetos e atividades do programa, Oeiras Educa oficinas científicas e tecnológicas e visitas virtuais a laboratórios, além da interação com especialistas de múltiplas áreas do conhecimento.

A programação do Município de Oeiras engloba atividades e eventos n​​acionais realizados anualmente, tais como o Encontro Ciência’20 (3 e 4 de novembro), a Semana da Ciência e Tecnologia (23 a 29 de novembro), o Dia Nacional da Cultura Científica em homenagem a Rómulo de Carvalho, professor, divulgador de ciência e poeta sob o pseudónimo António Gedeão (24 de novembro) e a Noite dos Investigadores (27 de novembro).

 

Uma montra para a ciência e investigação desenvolvidas em Oeiras

Este roteiro da ciência é construído a partir do trabalho colaborativo desenvolvido entre os centros de investigação, instituições e empresas de base científica e tecnológica sediadas no concelho e que cooperam no desenvolvimento de um programa educativo e cultural em contínua invenção e transformação digital, também, como resposta aos constrangimentos resultantes da pandemia COVID-19.

Promover a cultura científica, a criatividade e o ensino da ciência com e para a sociedade, é condição fundamental ao incentivo a aprender, a pensar e a intervir no mundo atual e futuro.

O objetivo é dar a conhecer melhor a ciência e a investigação que se desenvolve no concelho, assim como a percorrer os caminhos que conduzirão ao objetivo comum de afirmar Oeiras como capital da Ciência e Inovação.

A programação completa do Mês da Ciência em Oeiras pode ser consultada na página do Município e também nesta área do site Oeiras Valley aqui.


 ​

Programa de Cidadania Ativa 


 

Ciência + Cidadã

Local: Instituto Gulbenkian Ciência (IGC)
A participação dos cidadãos em ciência - ciência cidadã - já faz parte da vida dos cidadãos de Oeiras! No nosso município encontramos desde cidadãos-naturalistas a cidadãos-cientistas. No novo Programa Ciência + Cidadã, uma parceria entre os institutos de investigação de Oeiras, IGC e ITQB NOVA, e a Câmara Municipal de Oeiras, os cidadãos são cientistas e usam a ciência para explorar e resolver problemas da sua comunidade. Está a decorrer o primeiro projeto-piloto chamado “Árvore do Carbono”, onde jovens alunos são cidadãos-cientistas que aprendem a construir estações de monitorização de poluentes atmosféricos para investigar a qualidade do ar no concelho. Estes jovens serão os embaixadores para que o projeto se expanda a toda a comunidade de Oeiras. A iniciativa Oeiras tem Vida da Câmara convida os cidadãos-naturalistas a contribuírem para o registo da biodiversidade de Oeiras através de percursos pedonais acompanhados por especialistas. Desafiamos todos os cidadãos durante o mês de Novembro a fotografar a biodiversidade de fauna e flora que os rodeia e a registá-la na plataforma BioDiversity4All - Biodiversidade para Todos!
#cienciacidadaOeiras
Mais informações aqui.

 

Percursos, Visitas a laboratórios e Janelas abertas


 

Agenda da Natureza


 
Noite dos Anfíbios 
Data: 20 de novembro
Horário: 19h00 - 21h00 
Local: Quinta de Recreio do Marquês de Pombal - Percurso pedonal no exterior (2h)           
Público-alvo: M/3 anos  
Visita noturna à antiga Estação Agronómica Nacional para observação do único grupo de animais vertebrados de pele nua. Apesar dos muitos mitos associados aos anfíbios, estes desempenham um papel fundamental no ecossistema, pelo que os participantes serão sensibilizados para a importância da sua conservação. Para além de rãs, tritões e salamandras, pelo caminho até à imponente Casa da Pesca, poderemos observar também vestígios da presença de alguns mamíferos como ouriços, ginetas e raposas. Será ainda possível encontrar vários insetos e ouvir os sons inconfundíveis das aves noturnas.
Mais informações aqui.

 

Dia Aberto virtual do Instituto Gulbenkian de Ciência

Data: 21 de novembro​
Local: Online
Público-Alvo: M/14 anos
Em ano de pandemia, o IGC convida todos os cidadãos a explorarem um dos principais centros de investigação biomédica do país através de uma visita virtual interativa. Os visitantes vão ficar a saber mais sobre a ciência que se desenvolve no Instituto, as iniciativas para combater a COVID-19 e conhecer os espaços de laboratório onde os cientistas trabalham. Para quem gosta de decifrar enigmas, a visita virtual ao Instituto Gulbenkian de Ciência pode ser feita em formato de jogo, onde o visitante tem de desvendar um mistério. Em cada espaço terá desafios de ciência para resolver e só poderá avançar para o espaço seguinte se descobrir a solução. 
Mais informações aqui.


 

Construção de canetas de cana

Data: 21 de novembro 
Horário: 10h00 - 12h00   
Oficina: Construção de canetas de cana 
Local: Fábrica da Pólvora de Barcarena - Atividade prática no exterior (2h)           
Público-alvo: M/10 anos 
Vamos falar de espécies invasoras, cortar algumas canas e transformá‐las em canetas. Depois falamos um pouco de caligrafia tradicional e cada um experimenta a sua caneta. 
Mais informações aqui.

 

Presentes de Natal com a Natureza 

Data: 28 de novembro 
Horário: 10h00 - 12h00   
Local: Fábrica da Pólvora de Barcarena
Público-alvo: M/10 anos 
Nesta oficina vamos explorar as formas da Natureza, criando um lindo presente com os elementos recolhidos durante um curto passeio.
Mais informações aqui.

 

Formação e Oficinas


 

Formação

Empreendedorismo do que se trata?

Data: 3 e 5 de novembro
Horário: 19h00
Local: Biblioteca Municipal de Carnaxide (BMC)
Público-alvo: M/18 anos
Colocar em marcha uma ideia de negócio ou introduzir novos produtos ou serviços, devem surgir como resposta a uma necessidade do mercado. Por outro lado, investir acarreta riscos, exigindo do empreendedor não só conhecimentos técnicos como também motivação, esforço e muita determinação. Por isso é importante debater os principais temas no âmbito do Empreendedorismo e Empregabilidade, convidando profissionais / testemunhos de empreendedores, com o intuito de informar e sensibilizar os potenciais interessados.
Mais informações aqui.


 

Oeiras a Ler em Família

Eu, Tu e o Robot!
Data: 7 de novembro
Horário: 11h00
Local: Biblioteca Municipal de Carnaxide (BMC)
Público-alvo: 6 aos 12 anos
Vem aprender a montar um robot humanoide e a programa-lo com o JD da EZ Robots. O que será que consegues fazer com ele? Falar, andar, dançar? Descobre! Atividades lúdicas que procuram sensibilizar para a importância do mundo virtual, compreendendo o funcionamento da robótica e programação.
Mais informações aqui.

 

Workshop de geração de ideias para a empregabilidade 

Data: 10, 12 e 17 de novembro
Horário: 21h30
Local: Biblioteca Municipal de Carnaxide (BMC)
Público-alvo: M/18 anos
Neste workshop os participantes serão convidados a experimentar um método de criação e geração de ideias que levem à criação de novas empresas, produtos, marcas e processos ou à implementação de novas ideias em projetos empresariais já existentes no sentido de os tornar mais competitivas no mercado global, e por essa forma criarem o seu próprio emprego.
O workshop tem por principal objetivo ajudar à obtenção de ideias concretas passiveis de gerar empregos. Ações promovidas pela Citeforma.
Mais informações aqui.

 

DESMARCA-TE: Ciclo de Workshops Online 

Data: 11, 18 e 25 de novembro
Horário: 18h00-19h30
Gestão de Tempo (11 de novembro) (Ana Sofia Valente)
Marketing Digital. Do que se trata? (18 de novembro) (Pedro Ramos)
Canva – Como criar o seu Design? (25 de novembro) (Roberto Benvides)
Ciclo formativo gratuito de workshops que pretende capacitar os participantes e promover o desenvolvimento de competências pessoais e comportamentais que facilitem a inserção no mercado de trabalho.
Inscrições e mais informações:

 

Webinar de Encerramento do Ciclo Internacional dedicado ao Pinheiro-bravo - Participação de Edmundo Sousa (INIAV).

Data: 12 de novembro
Horários: 11h00
Local: online
Público-alvo: M/18 anos
O pinheiro-bravo também é uma cultura importante em outros países, onde existem práticas silvícolas e conhecimento que podem ser replicados ou adaptados às nossas condições. Encontra-se a decorrer um Ciclo de Webinars que dará a conhecer melhor esta espécie na Galiza, Castela e Leão, Aquitânia e Austrália. Dia 12 de novembro, às 11 horas, decorrerá um Webinar em que os 4 moderadores discutirão que práticas poderão ter mais interesse para o nosso país: Edmundo Sousa, Nuno Calado, Susana Carneiro e Maria João Gaspar, atuais Membros da Equipa de Coordenação do Centro de Competências do Pinheiro-Bravo transmitirão também as respostas a questões colocadas aos oradores através do canal Youtube do Centro PINUS ou enviadas para o email info@centropinus.org
Mais informações aqui.


 

Literacia informática

Data: 17 a 20 de novembro (BMA), 10 a 13 de novembro (BMC) e 03 a 06 de novembro (BMO) e 24 a 27 de novembro (BMO)
Horário: 10h30-12h30
Local: Biblioteca Municipal de Algés (BMA), Biblioteca Municipal de Carnaxide (BMC) e Biblioteca Municipal de Oeiras (BMO)
Público-alvo: M/12 anos
Um técnico da Fábrica do Saber está presente para o ajudar a usar melhor os seus equipamentos como o telefone, tablet ou computador. Tem dúvidas sobre como aceder ao PressReader, usar o WhatsApp, usar o email? Marque a sua sessão!
Mais informações aqui.

 

Fontes de informação científica: avaliação e seleção (IST)

Data: 11 de novembro 
Horário: 10h00-11h30
Local: Zoom videoconferência
Público-alvo: M/17
A Biblioteca do Instituto Superior Técnico realiza uma sessão de formação por videoconferência, através da plataforma Zoom, dirigida aos estudantes do 1.º, 2.º e 3.º ciclos, do ensino superior, sobre os critérios de avaliação a utilizar para a seleção de fontes de informação científica. Esta ação de formação tem os seguintes objetivos: Problematizar a qualidade dos conteúdos de informação disponíveis na Internet; Problematizar o conceito de publicação científica; Identificar fontes de informação científica (bases de dados referenciais e de texto integral, repositórios científicos e sistemas agregadores); Conhecer alguns métodos de seleção da informação científica. A participação é gratuita, mas os interessados deverão fazer a sua inscrição através do preenchimento do formulário disponível na página da Biblioteca. O Zoom meeting ID será depois enviado com a confirmação da inscrição. A sessão de formação será em língua portuguesa.
Inscrições e mais informações aqui.

UL Extremes Webinar – Ana Paula Martins (IST)

Data: 12 novembro 
Horário: 13h00-14h00
Local: Online
Público-alvo: M/18
No âmbito do evento que ocorre mensalmente “UL Extremes Webinar”, organizado pelo CEMAT e CEAUL desde fevereiro último, este Webinar de Teoria de Valores Extremos da UL é simultaneamente um Seminário de Probabilidades e Estatística.
Inscrições e mais informações aqui.

 

 

Palestras, Conferências e Colóquios


 

Encontro Ciência 2020

Data: 2 a 4 de novembro
Horário: 09h30-19h15
Local: online
Público-alvo: M/12 anos
O mote principal do Encontro CIÊNCIA 2020 será “a importância e os desafios da ciência, da investigação e da inovação, na recuperação de Portugal em tempos de pandemia, tornando país e a Europa mais resilientes, mais digitais, mais verdes, mais sociais e mais globais.” 

 
No âmbito deste encontro, o ITQB NOVA e o IGC irão participar com três demonstrações em formato vídeo:
Fábricas Celulares (MOSTMICRO ITQB NOVA) – sobre o projeto europeu “SHIKIFACTORY100”, que tem como objetivo criar fábricas celulares para a produção de 100 compostos de interesse industrial e farmacêutico. Nesta demonstração, exemplificamos o trabalho conjunto dos investigadores nas áreas laboratoriais e computacionais, com a finalidade de criar uma fábrica celular mais eficiente para a produção de dopamina.
Viagem molecular ao centro de uma proteína (MOSTMICRO ITQB NOVA) - Determinar a estrutura-3D de proteínas é fundamental para perceber a sua função na célula. Para isso recorremos a técnicas como cristalografia de raios-X e mais recentemente crio-microscopia eletrónica. Este vídeo representa uma breve viagem ao centro de uma proteína, para visualizar os seus aminoácidos e centros metálicos, levando à compreensão a nível molecular da sua função.
Vídeo sobre a visão para 2022 de estabelecer o Instituto Gulbenkian de Ciência e a região de Oeiras num pólo de ciência e inovação com relevância internacional, em parceria com o Instituto de Tecnologia Química e Biológica da Universidade Nova de Lisboa e Oeiras Valley. Esta estratégia, presente no programa Ciência Aberta a Oeiras, está assente em três pilares: internacionalização, inovação e ciência com e para a sociedade, reforçada pelo novo Centro Colaborativo Internacional, o primeiro na Europa.
Mais informações aqui.


 

Cogito: Ideias que transformam

Data: Setembro 2020 a Janeiro 2021
Horários: 21h30
Local: Online
Público-alvo: M/14 anos
O Município de Oeiras organiza de setembro a dezembro o “Festival Cogito – ideias que transformam”. O Festival desafia personalidades de várias áreas para discutir temas diversos. Durante o mês de novembro, vários investigadores em ligação com a Estratégia Oeiras Ciência e Tecnologia (EOCT) participam na iniciativa, a saber:
4 de novembro, a cientista Vanessa Luis, investigadora no Instituto de Medicina Molecular João Lobo Antunes (iMM), participa nas Conversas Criativas para debater o tema “Porque há tão pouco pensamento de longo prazo?”
5 de novembro, a investigadora Mónica Bettencourt Dias, Diretora do IGC, participa nas Masterclasses Cogito – Os grandes desafios da humanidade para discutir o tema “No pós-pandemia, que proximidade vai existir entre os Cidadãos e a Ciência?”
11 de novem​​bro, Susana Lima, a Investigadora principal do Laboratório de Neuroetologia (Neuroethology Lab) do Centro Champalimaud, participa nas Conversas Criativas para tratar o tema “Porque O Sexo é tão importante”
12 de novembro, o investigador Rui Marques Moura, professor da Faculdade de Ciências da U.Porto (FCUP), vai estar nos Diálogos Cogito com o tema “Com tantos problemas na Terra, porque vamos para o espaço?”
18 de novembro, a investigadora Cristina Silva Pereira, responsável por um dos laboratórios do ITQB NOVA, participa na série Conversas Criativas Cogito – processo co-criativo ao vivo para debater se “O Futuro é Multidisciplinar?”
19 de novembro, Jorge Miguel Miranda é Presidente do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), participa nos Diálogos COGITO em redor da questão “Será possível criar um digital twin do meio natural?”
25 de novembro, o investigador Jorge Carneiro, Diretor do Programa de Doutoramento do IGC, participa na série Conversas Criativas Cogito – processo co-criativo ao vivo para debate “Porque a vida não se extinguiu?”
26 de novembro, a investigadora Margarida Oliveira, Vice-Diretora do ITQB NOVA, participa na série Diálogos Cogito – ideias de longo alcance, com o tema “Como a Edição Genética Contribui para a Sustentabilidade Alimentar e Ambiental?”
Mais informações em: https://www.cogito.pt/

 

Ciclo de Conferências IEAAM «Sustentabilidade do Homem no Planeta Terra que Magalhães circum-navegou». Parte III. Desafios para um futuro sustentável (INIAV)

Sistemas Alimentares Sustentáveis, a estratégia Europeia: ‘Do Prado ao Prato’ — Carla Brites (INIAV)
Data: 2 de novembro
Horários: 18h00
Local: online
Público-alvo: M/14 anos
Carla Brites é doutorada em Engenharia Agro-Industrial pela Universidade de Lisboa, investigadora auxiliar com agregação no INIAV-Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, membro da unidade de investigação GREEN-IT, Bioresources for Sustainability. Coordena projetos de investigação de âmbito nacional e internacional na área da qualidade sanitária, nutricional e organolética dos cereais e leguminosas. È presidente da Comissão Técnica de Normalização dos Cereais e Derivados e representante portuguesa nos Comités Internacionais (ISO) e Europeu (CEN). Foi professora convidada nos mestrados de Produção Alimentar em Restauração e Inovação em Artes Culinárias na Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril. Foi a delegada portuguesa ao Comité Europeu H2020 para a ‘Segurança Alimentar, Agricultura e Florestas Sustentáveis e Bioeconomia’, atualmente é perita para o Horizon Europe e é delegada suplente no SCAR (Comité Permanente para a Investigação Agrícola Europeia).
Mais informações aqui.

 

A sustentabilidade da produção hortícola e a cultura da batata-doce — Maria Elvira Ferreira e Paulo Brito da Luz (INIAV)

Data: 3 de novembro
Horários: 18h00
Local: online
Público-alvo: M/14 anos 
Num panorama global observam-se importantes riscos ao nível da “segurança alimentar”, da “produtividade dos recursos” e da “sustentabilidade dos ecossistemas”, face ao crescimento populacional e às alterações climáticas. A intensificação e o desenvolvimento agrícolas envolvem critérios de sustentabilidade e racionalidade, cuja eficácia resulta de “soluções de compromisso” entre objetivos de base ambiental, tecnológica e socioeconómica (trade-offs). Os balanços “naturais” (e.g. hidrológico e de nutrientes) tendem a ser insuficientes para as necessidades das culturas, pelo que as práticas de regadio e de fertilização, adequadas às condições locais, contribuem para que um projeto agrícola potencie os designados “serviços dos ecossistemas” (e.g. produção, regulação, sociais), em contraste com a possibilidade de conduzir a processos de degradação. As questões de competitividade e sustentabilidade são analisadas ao nível de indicadores das práticas agrícolas e do impacto de determinados fatores agroambientais, sociais e económicos específicos, através de inquéritos e de avaliações de campo e/ou laboratoriais. A planta da batata-doce é originária da América Central, tendo sido trazida para a Europa por Cristóvão Colombo (finais do séc. XV) e mais tarde foram os espanhóis e os portuguesas que a levaram para África e para a Ásia. A batata-doce faz parte da dieta alimentar dos seres humanos desde há milénios, e atualmente, devido às suas características organoléticas e nutricionais, verifica-se uma tendência crescente para o seu consumo, a nível mundial. Para a reconversão e a intensificação dos sistemas produtivos de batata-doce, tendo em vista a sustentabilidade e a competitividade da atividade agrícola, devem ser seguidas Boas Práticas Agrícolas durante todo o ciclo cultural e também na conservação, envolvendo ainda estratégias de economia circular, nomeadamente, quanto ao aproveitamento de resíduos.
Mais informações aqui.


Seminário "O castanheiro e a castanha: da produção à comercialização" (Apoio do INIAV)

Participação de Rita Costa, Luís Bonifácio e Frederico Preza (INIAV).
Data: 7 de novembro
Horários: 10h00-12h30
Local: online
Público-alvo: M/14 anos
O Seminário “O Castanheiro e a Castanha: da produção à comercialização”, agendado para sábado, dia 7 de novembro, vai realizar-se apenas em formato ONLINE, com transmissão em direto na página de Facebook do Município de Marvão, a partir das 9h30.
Mais informações aqui.


 

Seminários: QM^3 Quantum Matter meets Maths – Benoît Douçot (IST)

Spin textures in quantum Hall ferromagnets
Data: 9 de novembro 
Horário: 17h00-18h00
Local: online
Público-alvo: M/18
Acontece online mais uma sessão dos Seminários IST QM^3 Quantum Matter meets Maths (Matéria Quântica & Matemática) 2020 com o Dr. Benoît Douçot (Laboratoire de Physique Théorique et Hautes Energies – LPTHE, Sorbonne University & CNRS-French National Centre for Scientific Research, Paris), alusivo ao tema “Spin textures in quantum Hall ferromagnets”.
Resumo: In the presence of a strong magnetic field, and for an integer filling of the Landau levels, Coulomb interactions favor a ferromagnetic ground-state. It has been shown already twenty years ago, both theoretically and experimentally, that when extra charges are added or removed to such systems, the ferromagnetic state becomes unstable and is replaced by spin textures called Skyrmions. We have generalized this notion to an arbitrary number  of internal states for the electrons, which may correspond to the combination of spin, valley, or layer indices. The first step is to associate a many electron wave-function, projected on the lowest Landau level, to any classical spin texture described by a smooth map from the plane to the projective space . In the large magnetic field limit, we assume that the spin texture is slowly varying on the scale of the magnetic length, which allows us to evaluate the expectation value of the interaction Hamiltonian on these many electron quantum states. The first non trivial term in this semi-classical expansion is the usual non-linear sigma model, which is known to exhibit a remarkable degeneracy of the many electron states obtained from holomorphic textures. Surprisingly, this degeneracy is not lifted by reintroducing quantum fluctuations. It is eventually lifted by the sub-leading term in the effective Hamiltonian, which selects a hexagonal Skyrmion lattice and therefore breaks both translational and internal  symmetries. I will show that these optimal classical textures can be interpreted in an appealing way using geometric quantization.
Inscrições e mais informações aqui.



 

Palestra American Corner – Angeliki Diane Rigos (IST)

Reimagining academia’s role in social innovation
Data: 10 de novembro
Horário: 15h30
Local: online (Zoom videoconferência) (https://tecnico.ulisboa.pt/pt/eventos/palestra-americian-corner-angeliki-diane-rigos/)
Público-alvo: M/18
No âmbito do American Corner@Técnico, e em colaboração com SILab, a 10 de novembro de 2020 realizar-se-á mais uma palestra. Resumo: Individual labs and research groups are working on social innovation technologies at universities all over the world. But how do you focus the research capabilities to make a coherent, intentional effort to solve at scale persistent challenges in the developing world? Two of the most important approaches we have used at the MIT Tata Center for Technology and Design is to include scale in the design of the solution and to work on supporting the relevant policies. We also work with the users of the technology from Day 1 rather than come up with solutions in the lab that are either not addressing the problem in the field or would not be adopted by the users. And last, but not least, we assist in the creation of ventures and/or policies that will produce and/or implement the new technologies which focus on problems in agriculture, energy, environment, health, housing and water.
Mais informações aqui.


 

Seminário Geometria em Lisboa – Ana Rita Pires (IST)

Many more infinite staircases in symplectic embedding functions
Data: 10 de novembro
Horário: 17h
Local: online 
Inscrições e mais informações aqui.
Canal de vídeos Geometria em Lisboa - aceda aqui.

 

Seminário Matemática, Física & Aprendizagem Automática – Bin Dong (IST)

Learning and Learning to Solve PDEs.
Data: 11 de novembro
Horário: 11h00
Local: online
Público-alvo: M/18
No âmbito da série de Seminários em Matemática, Física & Aprendizagem Automática (MPML @Técnico) realizar-se-á um seminário com o professor Bin Dong (Diretor, Center for Theory of Artificial Intelligence, Institute for Artificial Intelligence & Beijing International Center for Mathematical Research; Peking University, China)
Inscrições e mais informação aqui. Ver também o link.


 

Sessão de Apresentação 2020: Como é um dia de trabalho na McKinsey? (IST)

Data: 11 de novembro
Horário: 11h30
Local: online
Público-alvo: M/18
- Quantas horas trabalha um consultor?
- Que tipo de formação se recebe ao entrar na McKinsey?
- Como é que a McKinsey ajuda os funcionários a se desenvolverem como pessoas?
- O que é preciso para entrar na empresa?
- Como está a ser o trabalho em tempos da COVID-19?
Curiosos para saber as respostas a estas perguntas? Mais dúvidas?
Aproveite a oportunidade e inscreva-se nesta Sessão de Apresentação (virtual) da Mckinsey, membro da Rede de Parceiros do Técnico. Podem contar com a presença de alguns consultores da McKinsey & Company, que não só irão responder às suas perguntas, mas também explicar o processo de recrutamento e apresentar as oportunidades de carreira na empresa.
Inscrições e mais informações aqui.
Ver também aqui.


 

Hydrogen Speaker Series by Lisbon CommUnity (IST)

Será o futuro movido a hidrogénio?
Data: 12 de novembro
Horário: 18h00-19h30
Local: online
Público-alvo: M/18
Será o futuro movido a hidrogénio? O hidrogénio tem a capacidade de revolucionar segmentos inteiros da cadeia de valor da energia, desde a geração e armazenamento até ao seu uso final e transporte. Entretanto, Portugal e vários outros países da UE publicaram as suas estratégias nacionais para o hidrogénio de mil milhões de euros. Neste evento, três oradores com diferentes backgrounds em energia irão partilhar as suas ideias sobre esta tecnologia inovadora, suas aplicações, I&D e desenvolvimentos futuros, e o seu papel no futuro energético da Europa.
Inscrições e mais informações aqui - Ver também aqui.

 

 

Porque é que a terra treme? (IST)

Explica-me como se tivesse cinco anos – Conversas sobre ciência no Técnico para crianças e adultos curiosos” com Mónica Amaral Ferreira 
Data: 14 novembro 
Horário: 15h00
Local: online (Facebook Live)
Público-alvo: M/5
O que é um terramoto? O que podemos fazer antes, durante e depois para nos protegermos e às nossas casas, escola e trabalho?
“Explica-me como se tivesse 5 anos – Conversas sobre ciência no Técnico para crianças e adultos curiosos” é dirigido aos mais novos, abrindo as portas para conhecer a investigação do Técnico e poder fazer perguntas aos nossos cientistas – mesmo à distância. Os mais velhos também podem assistir, se as crianças deixarem.
No sábado, dia 14 de novembro de 2020, teremos connosco Mónica Amaral Ferreira, investigadora no Centro de Investigação e Inovação em Engenharia Civil para a Sustentabilidade (CEris) do Instituto Superior Técnico para nos ajudar a responder a esta pergunta. 
Envie-nos a sua pergunta – ou a dos seus filhos – por e-mail (por escrito ou por áudio para explicame@tecnico.ulisboa.pt), indicando o nome e idade, ou coloque a questão em direto na caixa de comentários da emissão ao vivo no facebook@tecnico.ulisboa.pt
Mais informações aqui.

 

Seminário Geometria em Lisboa (IST)

Loops in the fundamental group of Symp (M, ω) which are not represented by circle actions 
Data: 17 novembro 
Horário: 17h00
Local: online (Zoom videoconferência)
Público-alvo: M/18
No âmbito da série de Seminários “Geometria em Lisboa” realizar-se-á o seminário com a professora Sílvia Anjos (IST – Dept.Matemática & Centro de Análise Matemática, Geometria e Sistemas Dinâmicos, CAMGSD). Resumo: It was observed by J. Kędra that there are many symplectic 4-manifolds , where  is neither rational nor ruled, that admit no circle action and 
is nontrivial. In the case, with , it follows from the work of several authors that the full rational homotopy of , and in particular their fundamental group, is generated by circle actions on the manifold. In this talk we study loops in the fundamental group of of symplectomorphisms that act trivially on homology, and show that, for some particular symplectic forms, there are loops which cannot be realized by circle actions. Our work depends on Delzant classification of toric symplectic manifolds and Karshon's classification of Hamiltonian circle actions
This talk is based in joint work with Miguel Barata, Martin Pinsonnault and Ana Alexandra Reis.
Inscrições e mais informações aqui.
Siga o Canal de vídeos Geometria em Lisboa: https://portal.educast.fccn.pt/videos?c=6745
 
 
 

 

Seminário do Ciclo: Matemática, Física & Aprendizagem Automática (IST)

Combining knowledge and data driven methods for solving inverse imaging problems - getting the best from both worlds
Data: 20 de novembro 
Horário: 15h00
Local: online (Zoom videoconferência)
Inscrições: https://mpml.tecnico.ulisboa.pt/
Público-alvo: M/18
Realizar-se-á online mais um seminário do ciclo Mathematics, Physics & Machine Learning (MPML @Técnico), desta vez com a professora Carola-Bibiane Schönlieb (University of Cambridge, UK). Resumo: Inverse problems in imaging range from tomographic reconstruction (CT, MRI, etc) to image deconvolution, segmentation, and classification, just to name a few. In this talk I will discuss approaches to inverse imaging problems which have both a mathematical modelling (knowledge driven) and a machine learning (data-driven) component. Mathematical modelling is crucial in the presence of ill-posedness, making use of information about the imaging data, for narrowing down the search space. Such an approach results in highly generalizable reconstruction and analysis methods which come with desirable solutions guarantees. Machine learning on the other hand is a powerful tool for customising methods to individual data sets. Highly parametrised models such as deep neural networks in particular, are powerful tools for accurately modelling prior information about solutions. The combination of these two paradigms, getting the best from both of these worlds, is the topic of this talk, furnished with examples for image classification under minimal supervision and for tomographic image reconstruction.
Mais informações aqui.

 

Seminário Matemática, Física & Aprendizagem Automática com Tommaso Dorigo (IST)

Dealing with Systematic Uncertainties in HEP Analysis with Machine Learning Methods
Data: 25 novembro 
Horário: 18h00
Local: online (Zoom videoconferência)
Público-alvo: M/18
No âmbito da série de Seminários em Matemática, Física & Aprendizagem Automática (MPML @Técnico) realizar-se-á o seminário com o Professor Tommaso Dorigo (National Institute for Nuclear Physics, INFN; University of Padua, Padova, Italia). Resumo: I will discuss the impact of nuisance parameters on the effectiveness of supervised classification in high energy physics problems, and techni​​ques that may mitigate or remove their effect in the search for optimal selection criteria and variable transformations. The approaches discussed include nuisance parametrized models, modified or adversary losses, semi supervised learning approaches and inference-aware techniques.
Inscrições e mais informações  aqui.
Mais aqui.

 

Efemérides


 

Dia Nacional do Mar - Limpeza da praia velha de paço de arcos para celebrar o dia nacional do mar

Data: 16 de novembro
Horário: 09h00 – 13h00 
Local: Praia velha de Paço de Arcos           
Público-alvo: M/12 anos  
Programa:
09h00 – 11ºN - preparação das pranchas para escrever na areia MAR. / Preparação dos resíduos já recolhidos para exposição 
10h30 - Chegada à praia dos alunos e início de recolha de lixo marinho
11h00 - Visita aos trabalhos realizados pelos alunos
12h00 - Fotografias sobre a praia e grupo, através da utilização de um drone

 
O Dia Nacional do Mar, 16 de novembro, vai ser celebrado com uma ação de limpeza da praia velha de Paço de Arcos (areal e mar), por 45 alunos do 5º ano do Agrupamento de Escolas de Paço de Arcos, que terá início às 10H30. Paralelamente, esta iniciativa, apoiada pelo Município de Oeiras, conta ainda com a apresentação de uma mostra de trabalhos realizados pelos alunos do referido Agrupamento, com base no lixo marinho e também com a simbólica colocação de 17 pranchas a formar a palavra "MAR" no areal. No final, terá lugar uma demonstração da ​modalidade de stand up paddle, pelo Centro de Atividades Náuticas (CAN). Todos os trabalhos artísticos, que integram a referida mostra, serão construídos com base em resíduos recolhidos na praia e no mar, visando chamar a atenção para um dos problemas mais prementes do mundo: a poluição do Oceano.

 
Refira-se que este evento integra o programa do novo projeto do Agrupamento de Escolas de Paço de Arcos, "Mar-arte", desenvolvido no âmbito Escola Azul, do qual o Município de Oeiras é parceiro, que tem por objetivo capacitar jovens com competências desportivas (na área do stand up paddle) e artísticas que também lhes permitam promover valores ligados à proteção e sustentabilidade do oceano.​

 

Semana da Ciência e Tecnologia

Data: 23 a 29 de novembro
Horário: (a definir)
Local: Online 
Público-Alvo: Alunos Ensino Secundário
Na semana da Ciência e Tecnologia, as instituições de ciência de Oeiras desenvolvem atividades com as Escolas. Durante a semana, os cientistas do Instituto Gulbenkian de Ciência irão fazer videoconferências com estudantes do Ensino Secundário e falar sobre o que é ser cientista e os projetos em que estão a trabalhar. A exposição “Plant Lab Sketching", do ITQB NOVA, será exposta na escola de São Bruno (Caxias) durante o mês de novembro. Serão também realizadas visitas dos investigadores à escola no âmbito da exposição. Os investigadores desenvolverão também atividades noutras escolas de Oeiras, associadas aos seus Clubes de Ciência. Os investigadores serão ainda desafiados a realizar sessões online ou presenciais que serão oferecidas para marcação nas escolas através da plataforma Oeiras Educa.
Mais informações aqui  | aceda também aqui

 

Noite Europeia dos Investigadores

Data: 27 de novembro
Horário: 15h00-22h00
Local: Online
Público-Alvo: Para todos
A Noite Europeia dos Investigadores promove um encontro entre cientistas e cidadãos por toda a Europa. Em Portugal, algumas ações irão decorrer presencialmente, mas haverá uma grande aposta na programação online. O Instituto Gulbenkian de Ciência (IGC) e o Instituto de Tecnologia Química e Biológica (ITQB NOVA) participam neste evento com atividades que serão incluídas na programação online. 
A atividade “À descoberta do Instituto Gulbenkian de Ciência” consiste numa visita virtual ao IGC, onde os visitantes podem descobrir mais sobre a ciência do instituto e sobre o dia-a-dia do cientista. 
Na NEI, será lançado o 7.º episódio da série “Cientistas em Casa”, “Quantas cores as folhas têm?”, com a participação do investigador André Cordeiro, do ITQB NOVA, que irá realizar cromatografia de papel para mostrar os pigmentos das folhas. A série tem como público-alvo estudantes do ensino pré-escolar e primário;
A Biotecnologia para uma economia circular será o tema de duas atividades organizadas pelo projeto B-LigZimes, do ITQB NOVA. Nesse dia irá estrear um novo episódio da série “Lab Demo”, composta por vídeos didáticos no qual investigadores realizam demonstrações utilizadas por professores do ensino secundário. O título deste episódio será “Biotecnologia para uma economia circular”. A atividade será complementada pelo Quiz “Enzimas e economia circular - sabe como lá chegar?”, que desafiará os visitantes a utilizarem o Kahoot para testar os seus conhecimentos na área;
A microscopia será a estrela da atividade “Jogos de luz no mundo microscópico”, uma transmissão em direto com o investigador Pedro Matos Pereira do ITQB NOVA. O público jovem e adulto será desafiado a descobrir como a florescência está à nossa volta, e a sua importância para o conhecimento científico. 
Na programação também poderemos encontrar um vídeo do programa Ciência + Cidadã, uma iniciativa do IGC, ITQB NOVA e Câmara Municipal de Oeiras.
Mais informações aqui.


Programas de Apoio


 

Prémio Oeiras - ERC Frontier Resarch Awards

Data: 24 de novembro
Horário: (a definir)
Local: online
Público-alvo: M/18
O Prémio “Oeiras - ERC Frontier Research Incentive Awards”  destina-se a financiar os candidatos de instituições de ensino e investigação, localizadas  no Concelho  de Oeiras, que tenham apresentado candidaturas de elevada qualidade a bolsas individuais ao Conselho Europeu de Investigação (European Research Council – ERC) e que, embora selecionados para a segunda fase de avaliação do ERC, não conseguiram garantir fundos devido a restrições no orçamento do ERC. O ERC financia os projetos de investigação de ponta que mais se destacam na Europa. Esses projetos são impulsionados por investigadores de todas as áreas (ciências da vida, ciências físicas e engenharia, ciências sociais e humanas) e as propostas são concebidas pelos investigadores que nelas incluem as suas ideias mais inovadoras e revolucionárias.
Mais informações aqui.

 

Bolsas António Coutinho

Data: 24 de novembro
Horário: (a definir)
Local: online
Público-alvo: M/18
Em homenagem ao Professor António Coutinho, antigo Diretor do Instituto Gulbenkian de Ciência (IGC) e impulsionador da ciência a nível nacional que garantiu a projeção internacional do conhecimento científico, o IGC, em parceria com a Fundação Merck e a Câmara Municipal de Oeiras (CMO), decidiram criar as Bolsas anuais em seu nome que inclui três categorias. As Bolsas António Coutinho visam:
a atribuição de Bolsas de Investigação destinadas a capacitar cidadãos de Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP*), ou seus descendentes, para o desenvolvimento de investigação científica;
criar oportunidades para estudantes e professores ou investigadores doutorados nas áreas das ciências da vida, ciências da saúde ou ciências exatas, continuarem a expandir os seus horizontes e promoverem as suas carreiras científicas;
garantir a diversidade na comunidade científica, criando um terreno cada vez mais fértil para o aparecimento de novas soluções para os problemas de toda a humanidade.
As Bolsas António Coutinho foram atribuídas pela primeira vez em 2019 a Adija Fernando Wilssone (MSc) e António Pinto Almeida (PhD). * Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, São Tomé e Príncipe.
Mais informações aqui.

 

Programa de Cooperação Técnica e Científica entre o Município de Oeiras e as Instituições de Ensino Superior

Data: 21 de outubro a 30 de novembro
Horário: -
Local: online
Público-alvo: M/18
O Programa de Cooperação Técnica e Científica tem como objetivo premiar, através de atribuição de bolsa, o desenvolvimento e dinamização de projetos de investigação com base em dados disponibilizados sobre o território municipal, promovendo a cooperação entre o Município de Oeiras e as Instituições de Ensino Superior. Procuramos fomentar a análise e reutilização de um conjunto de bases de dados sobre o território de Oeiras para o desenvolvimento de projetos que deem resposta, com o devido rigor técnico e científico, a determinadas problemáticas municipais/urbanas. O Programa de Cooperação Técnica e Científica enquadra-se no Eixo #2 da Estratégia Oeiras, Ciência e Tecnologia.
Escolha uma das temáticas para esta edição de 2020/2021, veja que dados temos disponíveis para cedência e candidate-se com um projeto. Os 2 candidatos com as ideias mais inovadoras recebem 2 bolsas de 5.000€ cada para que possam desenvolver o projeto ao longo de 2021.
Mais informações aqui.

 
Programa Oeiras Educa

 

Ciência Aberta a Oeiras

Cientista do Instituto Gulbenkian de Ciência vai à Escola Básica Manuel Beça Múrias (Agrupamento de Escolas São Julião da Barra)
Data: 18 novembro
Horário: 10h00-13h00
Local: Rede de Escolas de Oeiras
Público-Alvo: Alunos 1º, 2º e 3º CEB
A profissão de cientista e o trabalho que envolve continuam a ser bastante desconhecidos para uma grande franja da Sociedade. Nesta atividade, o Instituto Gulbenkian de Ciência (IGC) procura colmatar o distanciamento entre a comunidade escolar e a científica, levando investigadores do IGC às escolas do ensino básico, da rede concelhia de Oeiras. Os investigadores irão falar sobre o que é ser cientista e explorar com os alunos um determinado tópico científico, na área das Ciências da Vida. 
Mais informações aqui

 

Engenharia nas escolas de Oeiras

Workshop: Design de Jogos (online ou presencial)

Data: 20 de novembro
Horário: 09h30-17h00
Local: Rede de Escolas de Oeiras
Público-Alvo: Alunos 3º CEB e Ensino Secundário
 “O que faz um jogo de sucesso? Qual o segredo de um jogo divertido? O que envolve a criação de um videojogo? Nesta atividade vais aprender a pensar e criar um videojogo para mostrares aos teus amigos.” A atividade promove uma discussão sobre alguns temas introdutórios sobre o design de jogos. Existe uma apresentação que acompanha toda a atividade que é intercalada com desenvolvimento prático de um jogo usando a ferramenta Game Maker. No final os participantes terão construído um jogo que podem mostrar e levar para casa para continuar a desenvolver se o desejarem. Não é necessário ter conhecimentos prévios de programação, embora isso, naturalmente, ajude. O desenvolvimento do jogo é dividido em duas partes. Na primeira, segue um modelo muito semelhante para todos os grupos de participantes, no entanto, na segunda parte os participantes poderão desenvolver as suas próprias ideias.
Mais informações aqui.


Engenharia nas escolas de Oeiras

Ficção ou Realidade (online ou presencial)

Data: 25 de novembro
Horário: 15h00-16h30
Local: Rede de Escolas de Oeiras
Público-Alvo: Alunos Ensino Secundário
A atividade Ficção ou Realidade vai proporcionar um debate sobre tecnologias que aparecem em  filmes. Neste cenário, os convidados projetam uma seleção de cenas de filmes, conversam sobre a viabilidade das tecnologias, realismo dos efeitos especiais, e comparam com as tecnologias de ponta que já existam. Complementam ainda esses vídeos com alguns slides mais técnicos, relacionados com a sua área de especialidade, para justificar se o que se mostra no filme é realista ou impossível.
Mais informações aqui.

 

Literacia em Saúde

O que fazer com os Piolhos?

Data: 04, 11, 18 e 25 de novembro de 2020
Horário: Rede de Escolas de Oeiras
Local: Rede de Escolas de Oeiras
Público-alvo: Alunos 1º CEB
Na conversa sobre «O que fazer com os Piolhos?», realiza-se uma abordagem a esta e outras questões, com recurso a vídeos, jogos e outros meios interativos - O que são, como se transmitem, que cuidados a ter na escola e como se faz o tratamento?
Mais informações aqui.
 

 

Literacia em Saúde

COVID-19

Data: 02, 09, 16 e 23 de novembro de 2020
Horário: 14h00-14h45 e 10h30-11h15
Local: Rede de Escolas de Oeiras
Público-alvo: Alunos 1º CEB
Na atividade “COVID-19” são abordados os seguintes temas:
- O que são coronavírus;
- O que é este coronavírus, como se manifesta e como se transmite;
- O que é um surto e o que é uma pandemia;
-O que são bactérias e vírus em geral;
- Como podemos proteger-nos a nós próprios e á comunidade: regras de etiqueta respiratória e regras sanitárias e de higiene, incluindo como lavar corretamente as mãos;
- O que fazer em caso de infeção.
Mais informações aqui

 

Onde o Mergulho Começa...

Oficina – Vem conhecer os tubarões!

Data: 13, 18, 20, 25 e 27 de novembro
Horário: 10h00-11h15 e 14h00-15h15
Local: Aquário Vasco da Gama
Público-alvo: Alunos Pré-Escolar, 1º, 2º e 3º CEB
Um dos grupos de animais mais amados pelo Rei D. Carlos - Os tubarões- são os habitantes do mundo aquático mais temidos, mas também os que mais fascínio e encanto despertam no Homem. São peixes caracterizados por uma biologia sofisticada e por uma elevada diversidade de espécies, sendo resultado de milhões de anos de evolução. Nesta oficina os alunos serão orientados no desenvolvimento de algumas atividades que os levem a conhecer melhor a vida destes animais, sendo desafiados a pensar, sentir e atuar sobre o tema proposto.
Mais informações aqui.

 

 

Onde o Mergulho Começa...

Visita Temática - Um Mar de…

Data: 17, 18, 19, 24, 25, 26 e 30 de novembro
Horário: 10h00-11h15 e 14h00-15h15
Local: Aquário Vasco da Gama
Público-alvo: Alunos Pré-Escolar, 1º, 2º, 3º CEB e Secundário
Visita guiada pelo Aquário Vasco da Gama onde os alunos são convidados a mergulhar à descoberta da vida no meio aquático. Às coleções do museu e à exposição viva associam-se, como objetos de interesse, todo o edifício e a sua história. Serão abordados temas como a diversidade de animais aquáticos, a evolução da história natural e os impactos atuais e futuros da atividade humana no meio aquático. Dependendo do grau de escolaridade a visita terá um enfoque especial em temáticas relevantes como:
- Um Mar de Descobertas: as crianças serão convidadas a conhecer os animais de coleção do princípe que sonhava com o fundo do mar e conhecer os habitantes da nossa costa em formato de oficina pedagógica (Pré-escolar)
- Um Mar de Formas: direcionada à diversidade de formas e cores dos animais aquáticos (1ºCiclo).
- Um Mar Diverso: direcionada à diversidade dos grupos animais que dependem do Mar para a sua sobrevivência, e o que os distingue (2º Ciclo).
- Um Mar de Adaptações: direcionada à diversidade de estratégias adaptativas dos animais aquáticos para a sua sobrevivência, sejam elas predatórias, comportamentais, morfológicas ou reprodutivas (3ºCiclo).
- Um Mar Limpo: direcionada à forma de como o Homem interage com o meio aquático e os impactos que resultam desta interação. Como se garante a sustentabilidade dos meios marinhos e dulçaquícolas (Secundário).
Mais informações aqui.

 

Onde o Mergulho Começa...

Visita Temática - Um Mar de Histórias

Data: 09, 16, 23 e 30 de novembro
Horário: 14h00-15h00
Local: Aquário Vasco da Gama
Público-alvo: Alunos Pré-Escolar, 1º, 2º, 3º CEB e Secundário
Com esta visita guiada pretende-se explorar a exposição do Museu a partir da história do Príncipe que sonhava com o fundo do mar. Os alunos serão convidados a embarcar na aventura da descoberta do fundo do mar no final do século XIX, através das campanhas oceanográficas realizadas pelo Rei D. Carlos, o pai da Oceanografia portuguesa. Durante a visita os alunos serão levados a refletirem na evolução do conceito de naturalista e da relação que a humanidade tem com o meio natural, desde aquela época até ao presente.
Mais informações aqui

 

Campanha de “Roadshow Cogito Educa: Ideias que transformam e FICA - Festival Internacional de Ciência”

Datas: 17, 19, 24 e 26 de novembro 2020
Horários: manhã (11h30) e tarde (14h30)
Local: Escolas Secundárias de Oeiras
Público-alvo: Alunos (Ensino Secundário)
Com mais aprendizagem ao longo da vida, com mais cidadania, vamos naturalmente melhorar no modo como progredimos e vivemos num mundo sempre em mudança. Todos nos questionamos em relação ao futuro próximo e, consecutivamente, sobre o desejado regresso aquilo que foi a normalidade das nossas vidas. A pandemia mudou-nos a todos e está a mudar o mundo. E para contrariar estes tempos de incerteza, a ciência, a cultura, a criatividade e o conhecimento são refúgios seguros. Neste contexto, levamos às Escolas Secundárias um road show, a decorrer entre 17 e 27 de novembro, com o objetivo de comunicar dois eventos públicos de referência promovidos pelo Município de Oeiras e dedicados à difusão do interesse pela cultura científica no concelho. A partir de um conjunto de ações demonstrativas de cada iniciativa, pretende-se cumprir um duplo propósito: contribuir para consolidar a ciência e a inovação como parte do território e reforçar a proximidade e o envolvimento da comunidade de Oeiras com cada um dos eventos. 

 

Formação e Comunidade de Professores 


 

Lab in a Box-Oeiras

Data: 4 de novembro
Horário: 16h00-20h00
Local: Instituto Gulbenkian Ciência (IGC)
Público-alvo: Professores do 5º ano (2º CEB – Ciências Naturais)
No dia 4 de novembro, decorrerá no Instituto Gulbenkian de Ciência, a 2ª sessão da Formação de Professores Lab in a Box - Oeiras, destinada a professores do 5º ano (2º ciclo) de Ciências Naturais.  Estas formações visam capacitar professores de Oeiras para a implementação do kit educacional de experiências científicas Lab in a Box - Oeiras, nas suas salas de aula. O Lab in a Box - Oeiras é um projeto de ensino experimental na sala de aula, desenvolvido pelo Instituto Gulbenkian de Ciência em parceria com a Câmara Municipal de Oeiras (CMO), no âmbito do programa Ciência Aberta a Oeiras.
Mais informações aqui

 
Programa sujeito a eventuais alterações em virtude dos constrangimentos associados à pandemia COVID-19

​​
  • De 20 a 30 de abril
  • Vários horários.
  • Conversas com Cientistas - Décadas de Ciência para Dias de Vacinas
    Campanha nacional sobre as vacinas contra a COVID-19: Junte-se a estas Conversas com Cientistas.
    Gratuito com inscrição prévia obrigatória
    Publicado 07/04/2021 às 14:27
    Newsletter - Agenda da Ciência do Município de Oeiras | Nº 6 - Abril 2021
    A newsletter apresenta mensalmente um conjunto de notícias sobre a dinâmica científica do concelho, tornando-a mais próxima e acessível aos cidadãos.
  • Mês de abril
  • Agenda Científica - Abril 2021
    A agenda científica do mês de abril apresenta informação atualizada sobre os eventos e iniciativas de divulgação de ciência que decorrem em Oeiras ao longo do corrente mês.
    Publicado 26/03/2021 às 11:03
    Município de Oeiras vai desenvolver projeto “Mais Polinizadores, Mais Biodiversidade”
    Projeto municipal foi aprovado pela Secretaria Geral do Ambiente e terá um financiamento de 200 mil euros.
  • Mês de março
  • Agenda Científica - Março 2021
    A agenda científica do mês de março apresenta informação atualizada sobre os eventos e iniciativas de divulgação de ciência que decorrem em Oeiras ao longo do mês.
     
    Consultar programa Ver Horário Fechar
     
    Publicado 13/11/2020 às 17:43
    Oeiras celebra mês da Ciência