Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
Portal Institucional - Back Office
agenda contactos
page background image
Publicado 19/11/2014

Na quinta ao almoço...30 minutos com História...

Por Rodrigo Dias
Departamento de Planeamento e Gestão Urbanística CMOeiras
Investigador de Desenho da Paisagem
Doutorando em Jardins Históricos Portugueses (Universidade de Delft, Holanda)

A Casa da Pesca aparece na paisagem do centro antigo pombalino de Oeiras como uma visão de um templo grego, perfeitamente alinhado com o pelourinho. Toda a arte e monumentalidade do palácio e jardins da residência do célebre grande Marquês de Pombal entram pela vila adentro e surgem aos habitantes como um marco arquitetónico e paisagístico, insólito, para a modesta e pacata urbe de recorte rústico e agrícola.
Há mais de duzentos anos, após o grande terramoto de 1755 que arrasou Lisboa e arredores, todo o vale agrícola da ribeira da Laje é remodelado, revolvido e reconstruído, transformado a ordens e desejo do Marquês e da Marquesa austríaca, numa obra pictórica de uma ideal paisagem da Arcádia Greco Romana, que bem podia estar em qualquer Palácio da Aristocracia ou Realeza Centro Europeia.
O interior da Casa apresenta-se como um requintado salão de descanso e merenda, revestido de finos estuques com cenas de pesca e suaves cores, imitando por vezes a água.
No centro do teto está representada, Diana, a Deusa da Caça, e simultaneamente símbolos de Neptuno, o Deus dos Mares, numa simbologia que nos suscita muitas histórias por contar.
O chão é desenhado em preciosos mármores de cores e o salão abre sobre a paisagem dos antigos pomares de laranjeiras, do palácio e da vila de Oeiras, por enormes portadas e janelões de guilhotina.
A ladear a casa existiam dois jardins íntimos, certamente de rosas e outras flores desenhados com sebes de buxo. Todo este conjunto está hoje semiarruinado, à espera dos visitantes do séc. XXI.

notícia
Publicado 31/08/2020 às 18:34
Oeiras homenageia Patrão Lopes
No domingo, 30 de agosto, o Município de Oeiras homenageou Joaquim Lopes, Patrão Salva Vidas.
  • 22 de março
  • Visita Encenada - 'Histórias em Cena' - CANCELADA
    A visita encenada ‘Histórias em Cena’ prevista para o próximo dia 22 de março foi cancelada.
    Publicado 26/02/2020 às 16:24
    Trabalhos de limpeza na ex-Estação Agronómica Nacional
    O Munícipio realizou trabalhos de limpeza do caminho de acesso pedonal à Casa da Pesca e à área envolvente, incluindo o Lago, as Escadas e o Jardim.
    Publicado 20/01/2020 às 15:14
    Curso "História de Portugal - Uma Perspetiva Social Séculos XIX e XX" por Raquel Varela, em Oeiras
    O curso será administrado pela Professora Doutora Raquel Varela, da Universidade Nova de Lisboa – FCSH, nos dias 28 e 30 de janeiro, 4,6 e 11 de fevereiro, na Livraria-Galeria Municipal Verney, em Oeiras.
  • 15 e 16 de fevereiro
  • Às 15h00
  • Visita encenada “Histórias em Cena”
    Para crianças a partir dos 6 anos, jovens e adultos.
    5€
    Na quinta ao almoço...30 minutos com História...