Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
Portal Institucional - Back Office
agenda contactos
page background image
Publicado 04/10/2018 às 09:30

Oeiras gere dinheiros públicos à lupa

Município aplica penalidades contratuais a empresa da área do Ambiente

O Município de Oeiras quer, neste novo ciclo de desenvolvimento, regressar à excelência ambiental que marcava o padrão do concelho, que consistia na certeza dos munícipes encontrarem os jardins bem cuidados, as ruas e as ribeiras limpas.

A aposta do atual Executivo Municipal é devolver a Oeiras esse ambiente, apostando na construção de mais e melhores jardins e parques e na recuperação e manutenção dos que já existem.
Ora, para a eficácia da manutenção dos espaços verdes do concelho, a Câmara Municipal de Oeiras tem recorrido, através de contratação pública, a serviços de empresas externas. É o caso da empresa cujo Contrato de Prestação de Serviços tem por objeto a aquisição da prestação de serviços de manutenção dos espaços verdes na zona ocidental (Freguesias de Oeiras e São Julião da Barra e Porto Salvo) do Concelho de Oeiras, empresa à qual foi deliberado, em Reunião de Câmara do dia 12 de setembro de 2018, aplicar uma sanção contratual, no valor total de € 4.520,18, nos termos cláusula 21ª, n.º 1 do caderno de encargos (CE), por apuramento de uma taxa de trabalho não executado superior a 5% no mês de Abril de 2018.

Tendo-se apurado o incumprimento desta empresa, a mesma foi notificada para se pronunciar sobre a intenção do Município de aplicação de penalidades contratuais. Ora, não se tendo a mesma pronunciado em sede de audiência prévia e estando em incumprimento do contratado, estipulado no Caderno de Encargos, o Município determinou aplicar a referida sanção.

De acordo com o previsto na cláusula 21ª, n.º 1 do caderno de encargos (CE), “quando a taxa de trabalho não executado, calculada nos termos previstos no n.º 6 da cláusula 12ª do presente caderno de encargos, for igual ou superior a 5% do valor da prestação mensal do contrato incluindo acréscimos ou decréscimos em vigor, pode o contraente público aplicar uma sanção pecuniária”.


Esta medida prova que em Oeiras os dinheiros públicos são geridos minuciosamente e quem não cumpre é penalizado.
notícia
Publicado hoje às 16:08
Renovada EB Sylvia Philips é inaugurada no dia 22 de fevereiro
O novo edifício, que vai acolher 125 crianças, vai ser inaugurado no próximo dia 22 de fevereiro (sexta-feira), às 10:00, pelo Presidente do Município, Isaltino Morais, na presença de alunos, professores e funcionários.
Publicado 15/02/2019 às 12:06
Jovens Oeirenses participam na limpeza de praias, ruas e jardins
Durante os meses de Junho a Setembro de 2018, cerca de 600 jovens oeirenses limparam diariamente as praias, ruas e jardins do Concelho, incentivando visitantes e munícipes a adotar boas práticas ambientais.
Publicado 12/02/2019 às 12:08
Oeiras promove a cidade cultural
O Município de Oeiras aprovou a atribuição de um apoio financeiro às associações culturais do concelho, com o objetivo de promover e reforçar as redes de cooperação e apoiar a inovação cultural.
Publicado 11/02/2019 às 12:26
Oeiras dá apoio financeiro superior a 14 mil euros a programa escolar
A Câmara Municipal de Oeiras aprovou a atribuição de uma comparticipação financeira de 14.475,00 euros à Associação Prevenir.
Publicado 31/01/2019 às 11:34
Arranjos exteriores em Nova Oeiras
Em Nova Oeiras realizaram-se arranjos exteriores, nomeadamente na área do Parque de Estacionamento da Torre H.
Oeiras gere dinheiros públicos à lupa