Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
Portal Institucional - Back Office
agenda contactos
page background image
Publicado 08/02/2019 às 17:56

Isaltino Morais promete “nova vida” para a Quinta Real de Caxias

Município insiste na transferência da tutela por parte do Governo


O Presidente do Município de Oeiras, Isaltino Morais, visitou no passado dia 8 de fevereiro, a Quinta Real de Caxias para uma nova avaliação do espaço, responsabilizando o Governo pelo seu avançado estado de degradação e abandono, nomeadamente os elementos arquitetónicos do Paço Real.

Propriedade do Ministério da Defesa, a Quinta Real de Caxias tem sido reclamada pela Câmara de Oeiras há vários anos, para que possa assumir a sua gestão.

“Temos um projeto para reabilitar este valioso património cultural e histórico e condições financeiras para o concretizar, mas o Estado não nos tem permitido isso e, assim, vamos assistindo à sua cada vez maior degradação e impossibilidade de ser usufruído pela população”, sublinhou o autarca.



Desde o primeiro protocolo que a Câmara Municipal de Oeiras estabeleceu com o Ministério da Defesa, em 1986, têm sido desenvolvidos esforços para que este património seja recuperado e, mesmo sem ser da sua competência, a Autarquia conseguiu abrir os jardins à população, após uma intervenção nos espaços verdes que incluiu a recuperação do seu valioso património artístico, designadamente os grupos escultóricos em terracota, da autoria de Machado de Castro, magnificamente enquadrados pelo conjunto que compõe a Cascata Real.

Na ocasião, Isaltino Morais lembrou que a autarquia já investiu cerca de 4 milhões de euros, desde 2009, ano em que se começou a desenvolver um novo conceito para os jardins da Quinta Real de Caxias, o qual se pretende que seja um dos maiores parques urbanos do concelho.

O presidente da Câmara Municipal de Oeiras alertou ainda para o antigo Convento da Cartuxa, em igual estado de degradação e cuja propriedade é do Ministério da Justiça, com quem já estão a ser desenvolvidas negociações.

“O Estado não nos tem permitido resolver os problemas de abandono do património. Há dinheiro, há projetos, há vontade política mas neste país tudo emperra na Direção Geral de Tesouro”, sublinhou.



A visita à Quinta Real de Caxias surgiu no âmbito das Visitas de Trabalho que o Executivo liderado por Isaltino Morais realiza habitualmente às sextas-feiras e que visam analisar no terreno eventuais problemas e tomar decisões na mesma ocasião.

 

quinta-1.jpgquinta-2.jpg 

notícia
Publicado hoje às 10:46
Assista à reunião da Assembleia Municipal de Oeiras
Não perca a transmissão da Sessão extraordinária nº 15/2019, 3ª feira dia 16 de julho às 15h00, no canal de Youtube da Assembleia Municipal de Oeiras.
Publicado 24/06/2019 às 12:27
Assista à reunião da Assembleia Municipal de Oeiras
Na passada terça-feira, dia 25 de junho, realizou-se no Auditório da Biblioteca Municipal de Oeiras, a Sessão Ordinária nº 3/2019. Assista à reunião através do canal de Youtube da Assembleia Municipal de Oeiras.
Publicado 21/06/2019 às 15:31
Comunicado
Comunicado do Município de Oeiras.
Publicado 19/06/2019 às 10:02
Assembleia Municipal de Oeiras pressiona Governo para recuperação da Casa da Pesca
Desde 1997 que a autarquia está a tentar encetar negociações com o Governo Central para que seja viabilizada a recuperação deste património imobiliário do Estado que se encontra sem uso, devoluto, abandonado.
Publicado 18/06/2019 às 14:22
Município de Oeiras investe 600 mil euros em centro de dia para seniores
Novo centro de dia de Porto Salvo inaugurado no passado dia 23 de junho. A obra e o apetrechamento do espaço, orçados em mais de 670 mil euros, foram comparticipados pelo Município de Oeiras em 600 mil euros.
Isaltino Morais promete “nova vida” para a Quinta Real de Caxias